Notícias

Compartilhar Imprimir

Interior em Destaque

30/03/2019

Casal e três crianças de 2, 4 e 11 anos são mortos a marteladas e facadas em Beruri, interior do Amazonas

Compartilhar:

Foto: Divulgação

Uma multidão compareceu ao velório das cinco vítima da chacina que chocou a população de Beruri

Pai, mãe, dois filhos e um sobrinho foram mortos a facadas e marretadas na comunidade Tapira, área rural do município de Beruri, distante 173 quilômetros de Manaus em linha reta.


Segundo a polícia, a chacina ocorreu por volta de 8 horas da noite da última quinta-feira, quando a família teve a casa invadida e foi morta a golpes de faca e marretadas.


Entre os mortos estão três crianças com idades de 2, 4 (filhos) e 11 anos (sobrinho do casal), que foram mortas a golpes de marretas.


Francisco, 22, o dono da casa e pais das crianças, estava com um profundo golpe na garganta e, segundo a políciai, seu corpo foi encontrado na rede onde ele dormia.


A mulher de Francisco, Monica Almeida, 19, estava no quarto em cima da cama com várias perfurações de faca e sinais de espancamento.


Ainda não se tem nenhuma informação sobre quem teria participado da chacina na Comunidade Tapira, que fica distante cerca de 6 horas de lancha da sede de Beruri.


Os primeiros a chegar ao local e encontrar os corpos massacrados dentro da casa foram membros da própria família,  que em seguida avisaram à polícia.

 

Chegada dos corpos na noite da última sexta-feira no porto do município

 

Multidão de pessoas no velório das vítimas da chacina em Beruri (Fotos: Divulgação) 

 


Os corpos de Francisco, de Mônica Almeida, dos dois filhos e do sobrinho chegaram à sede de Beruri na noite de ontem, sexta-feira, 20, para serem velados.


Centenas de pessoas estavam no porto do município e o clima era de muita comoção e revolta de toda a multidão.


Uma equipe de policiais civis já viajou para Beruri para reforçar a investigação, que vem sendo realizada pela 80ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP).


A delegada e diretora do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Suely Costa, disse que a chacina cruel de uma família nlinteira será investigada com todo o rigor necessário.


Ainda não dá para a polícia definir se os assassinatos do casal e das três crianças foi um crime de latrocínio, roubo seguido de morte, ou teve outro motivo.

Deixe seu comentário

Nome:

Mensagem:

publicidade

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.