Notícias

Compartilhar Imprimir

Arte e Fama

10/02/2019

Modelo fica irreconhecível após passar por modificações corporais: ‘Parece um dragão’. VEJA FOTOS

Compartilhar:

Foto: Reprodução

Sua obsessão por tatuagens e intervenções cirúrgicas começou quando ela tinha 16 anos e não parou desde então

Uma jovem identificada como Amber Luke, de 23 anos, moradora da cidade de New South Wales, na Austrália, gastou mais de US$ 10 mil (40 mil reais) em suas modificações corporais. Por esta razão, a jovem foi apelidada pelos amigos de ‘mulher cobra ou dragão’. No seu Instagram, ela decidiu mostrar seu passado e sua aparência física de hoje e surpreendeu a todos.


Sua obsessão por tatuagens e intervenções cirúrgicas começou quando ela tinha 16 anos e não parou desde então. Até agora, ela acumula sete anos de modificações que incluem cortar a língua em duas partes para parecer uma cobra, expandindo os lóbulos da orelha com implantes de silicone e tatuando seus globos oculares azuis que poderiam lhe deixar cega.

 

Veja também 

'Terremoto': Anitta e Kevinho lançam clipe da parceria em 1º de fevereiro

 

Além disso, Amber confessou ao Daily Mail, que seus amigos a chamavam de ‘dragão branco de olhos azuis’ por causa da cor de seus lóbulos. “Meus amigos, eles me chamam assim porque eu me pareço com um dragão com meus olhos e língua”, disse a jovem.

 

Depois de espalhar suas fotos no Instagram, a garota comentou que não se sentia bonita antes, porque parecia muito simples. “Quando eu vejo fotos antes e depois eu pareço muito simples, eu odiava o jeito que ele costumava me ver. Foi chato “, disse ela para o DailyMail .

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no Facebook e no Twitter

 

Amber confessa que seu vício começou aos 16 anos e desde então ela não parou de fazer mudanças drásticas em seu corpo. Sem dúvida, sua popularidade no Instagram cresceu.

 

 

 

 

 


Fotos: Reprodução

 

1 News 

Deixe seu comentário

Nome:

Mensagem:

publicidade

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.