Notícias

Compartilhar Imprimir

Interior em Destaque

02/02/2019

Operação 'Tráfico Zero' e bota na cadeia cinco homens e uma mulher no município de Boca do Acre, interior do Amazonas

Compartilhar:

Foto: Divulgação

Momento em que "Robinho" e Ana foram abordados e presos

Seis integrantes de uma quadrilha que atuava no tráfico de drogas, foram presos na manhã desta sexta-feira, dia 1º de fevereiro, na Rua Beira-Rio, Conjunto Horta, bairro da Praia do Gado, município de Boca do Acre, distante 1.020 quilômetros de Manaus em linha reta.


As prisões aconteceram durante a realização da Operação "Tráfico Zero" e foram presos em flagrante os traficantes Francisco H. da Silva, 31, vulgo "Chiquinho", Bruno H. Alves, 20, vulgo "Apurinã", João P. Batista. da Costa, 21, Ana C. A. Ribeiro, 20, Márcio da S. Rocha, 28, vulgo "Aldebarão" e Robson S. da Silva, 33 anos, vulgo "Robinho".


Denúncias chegavam a Delegacia Interativa de Polícia (DIP) e na 5ª Companhia Independente da Polícia Militar de Boca do Acre (CIPM), dando início às investigações e planejamento da operação que começou na manhã de ontem, sexta-feira.

 

A mulher e um dos seus comparsas chefiavam

a quadrilha em Boca do Acre

 

No armamento da quadrlha foram apreendidos duas escopetas calibre 28 com duas munição intactas, um revólver calibre 38 com três munições intactas com uma munição deflagrada, revólver calibre 32 com 5 munições, escopeta calibre 16 com uma munição intacta e um simulacro de pistola.

 

Drogas, armas e outros matgeriais ilícitos apreendidos (Fotos: Divulgação) 

 

O comando da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) informou que também foram apreendidos 22 pacotes de pasta base de cocaína pesando 396 gramas, 05 porções de maconha pesando 515 gramas; 10 trouxinhas de pasta base de cocaína pesando 10 gramas cada uma.

 
Durante a operação, seis homens e um mulher foram presos e sua residencias funcionavam como ponto de venda de drogas.


Ao final da Operação "Tráfico Zero" os integrantes da quadrilha foram apresentados na 61ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) onde foram autuados por tráfico de drogas, associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo e a partir de agora vão permanecer presos e a disposição da Justiça Estadual.
 

Deixe seu comentário

Nome:

Mensagem:

publicidade

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.