Notícias

Internacional

Peru chama de volta última diplomata na Venezuela em protesto contra mandato 'ilegítimo' de Maduro

Compartilhar:

Foto: A chancelaria peruana informou ainda que Maduro e outras 100 pessoas ligadas a ele ficarão proibidas de entrar no país

O Peru chamou de volta a encarregada de negócios de sua embaixada na Venezuela em protesto ao que classifica de novo mandato "ilegítimo" do presidente venezuelano, Nicolás Maduro, informou o Ministério das Relações Exteriores peruano em comunicado nesta quinta-feira.


A chancelaria peruana informou ainda que Maduro e outras 100 pessoas ligadas a ele ficarão proibidas de entrar no país.


Veja também

Trump cobra verba de US$ 5,7 bilhões para muro e bate o pé: ‘Governo ficará fechado até aprovação de muro’


Maduro começou um segundo mandato nesta quinta, desafiando críticos que o chamam de um usurpador ilegítimo de um país em que o caos econômico levou a uma crise humanitária.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no Facebook e no Twitter.

 

Extra

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Email:

Mensagem:

Leia também

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.