Notícias

Compartilhar Imprimir

Curiosidade

01/02/2019

Empresa aluga jato para quem quer fingir que é rico no Instagram

Compartilhar:

Foto: Reprodução

Pacotes para tirar fotos de vídeos custam entre R$ 800 e R$ 1400, mas aeronave é apenas um cenário e não decola

Que a vida de riquezas e constante felicidade que muitas pessoas retratam em suas redes sociais costuma ser um tanto fake, isso todos sabemos.

 

Tais encenações, no entanto, tornaram-se de tal forma a regra pelos posts mundo à fora que já existem empresas que oferecem o aluguel de cenários milionários para vídeos e fotos perfeitas – e mentirosas


É o caso da Private Jet Studio, que através do pagamento de nadas módicas quantias, permite que o usuário tire fotos ou vídeos dentro de um jatinho particular.


Veja também

Conheça os cinco sinais de depressão mais comuns nos adolescentes


O pacote cobra R$ 800 para fotos e R$ 1400 para vídeos, em uma sessão de duas horas dentro do avião – que não decola em momento algum.

 

A Private Jet Studio através do pagamento de nadas módicas quantias,

permite que o usuário tire fotos ou vídeos dentro de um jatinho particular

 

O cenário para as fotos é um Gulfstream G650, jato avaliado em 65 milhões de dólares – e os pacotes podem incluir os serviços de um maquiador e de um fotógrafo profissional.


A empresa também possui em helicóptero, caso o usuário queira ostentar ainda mais a riqueza que não possui.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no Facebook e no Twitter.


Antes que algum brasileiro se anime, o jato da Private Jet Studio fica em Moscou. Evidentemente, porém, que é questão de pouco tempo até que alguma empresa comece a oferecer tal serviço por aqui.

 

O cenário para as fotos é um Gulfstream G650, jato

avaliado em 65 milhões de dólares (Fotos: Hypeness)

 

O Instagram da empresa russa mostra que, por mais absurdo que possa parecer, o serviço de fotos fakes em um avião particular é um sucesso – contabilizado em uma riqueza real.

 

R7

Deixe seu comentário

Nome:

Mensagem:

publicidade

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.