NOTÍCIAS
Manchete
10/11/2020

ASSESSOR DO PREFEITO ADAIL FILHO É PRESO APÓS DISPARAR TIROS DURANTE REUNIÃO DE CAMPANHA DO CANDIDATO ROBSON TIRADENTES EM COARI. VEJA VÍDEOS

Compartilhar:
Foto: Divulgação

A Praça Menino Jesus foi transformada em uma Praça de Guerra na noite de ontem em Coari

Um homem identificado como “Alan”, que é lotado no gabinete do prefeito Adail Filho, com o cargo de chefe de departamento, foi preso na noite da última segunda-feira, 9.


O acusado disparou vários tiros na Praça Menino Jesus, bairro Santa Efigênia, no município de Coari, distante 363 quilômetros de Manaus em linha reta.


De acordo com as primeiras informações, no local do tiroteio estava sendo realizada uma reunião de campanha entre cabos eleitorais do candidato a prefeito Robson Tiradentes.

 

Veja também

 

Candidatura à reeleição de Adail Filho está por um fio em Coari. VEJA POR QUÊ

 

BOMBA! Irmão do Ronaldo Tiradentes promete matar o prefeito de Coari, o pai dele, a mãe e toda a família. ‘não vai ficar um vivo', garante. E chama Adail Filho de ‘bandido, quadrilheiro e cheirador de pó’. VEJA O MOTIVO DAS AMEAÇAS. OUÇA ÁUDIO

“Alan” e outros indivíduos chegaram para se confrontarem com os cabos eleitorais de Robson Tiradentes (20), iniciando-se rapidamente um tumulto generalizado na Praça Menino Jesus.


No total foram disparados quatro tiros pelo funcionário do gabinete de Adail Filho e não há informação se alguém foi baleado durante o atrito, que também resultou em pancadaria entre os cabos eleitorais.

 

Os policiais militares que foram ao local do confronto entre cabos eleitorais identificaram “Alan” como o homem que efetuou os disparos de arma de fogo e ele foi preso.


Segundo alguns moradores das proximidades da Praça Menino Jesus, situada mais precisamente na Rua Atuam, durante o confronto e disparo de tiros houve também muito pânico e correria no local.


O autor dos tiros foi levado preso para a Delegacia Interativa de Polícia de Coari, onde foi acusado por várias pessoas e em seguida “Alan” foi autuado e deve responder por crime de porte ilegal de arma de fogo.

 

Não há informação até o momento se o prefeito Adail Pinheiro (11) ou o se o candidato de oposição Robson Tiradentes (20) estavam presentes no momento que os tiros foram disparados e durante a pancadaria entre seus cabos eleitorais. 

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram. 

Entre no nosso Grupo de WhatsApp.


Até o começo da manhã o comitê coordenador do candidato Robson Tiradentes e do prefeito Adail Pinheiro ainda não haviam se pronunciado sobre o assunto.

 

VEJA VÍDEOS: 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.