NOTÍCIAS
Curiosidade
31/10/2019

CONHEÇA A ÁRVORE TÃO LARGA QUE PARECE SER UMA FLORESTA

Compartilhar:
Foto: Divulgação

Essa árvore, também conhecida como figueira-de-bengala, possui raízes tão grandes que emergem do solo, que aparentam ser vários troncos juntos.

Quando falamos em árvores grandes, o que vem a sua cabeça? A maioria das pessoas logo pensa em sequoias, castanheiras ou jequitibás, árvores que ultrapassam facilmente os 30 metros de altura. Sim, elas são grandes, porém, não tão grande quanto essa árvore é em largura.

 

A Grande Baniana pode não ser tão alta quanto essas árvores aqui mencionadas, mas quando se trata de largura, nenhuma outra árvore chega ao seus pés, ou no caso, às suas raízes. Estamos falando de uma árvore tão grande, que você dificilmente diria que se trata de uma única planta. Isso porque a Grande Baniana pode ocupar um terreno de uma pequena floresta. Enfim, uma única planta que possui raízes tão grandes que se parece com uma floresta.

 

Essa árvore, também conhecida como figueira-de-bengala, possui raízes tão grandes que emergem do solo, que aparentam ser vários troncos juntos. Dando a ideia de que se trata de uma floresta. Essa é uma árvore que vale por muitas.

 

Veja também


Após seis meses em coma, bebê acorda sorrindo para o pai

 

Jovem envia textos diários para pai morto e ganha resposta após 4 anos

 

A árvore

 


A Grande Baniana pode confundir até o mais experiente dos biólogos. Localizada no Jardim Botânico de Acharya Jagadish Chandra Bose, em Haora, na Índia, essa árvore consegue se espalhar por mais de 14 mil metros quadrados. Isso mesmo, dá para imaginar uma árvore que ocupe tanto espaço?

 

Para se ter uma ideia, segundo o Oddity Central, o espaço ocupado pela Ficus benghalensis (nome científico da Grande Baniana) é maior do que uma construção média do Wallmart. Ou seja, ela é realmente muito grande. E levando em consideração as suas raízes grossas, que saem da terra e são muito semelhantes a vários troncos, e a sua folhagem, parece que são várias árvores juntas formando uma pequena floresta.

 

Não se sabe exatamente a idade dessa planta, mas especialistas estimam que ela tenha pelo menos 250 anos. As primeiras menções à Grande Baniana que sem tem conhecimento datam to século 19 e foram encontradas em um diário de viagens.

 

A floresta

 

(Fotos: Divulgações)


Não é apenas o seu tamanho gigante que chama a atenção, as enormes raízes é que são o ponto alto da árvore. Quem vê de longe, não consegue adivinhar que se trata de uma única árvore gigante.

 

E são as suas próprias raízes que sustentam a árvore por inteiro. Inclusive, a planta já teve o seu caule removido uma vez, depois de ter sido infectada por um fungo, em 1925. Porém, essa não foi a única dificuldade que a árvore sobreviveu. Ela também já passou por dois ciclones, um em 1864 e outro em 1867. E mesmo assim, ela se manteve firme e inabalada, saudável e crescendo muito por sinal. Nos últimos 30 anos, a Grande Baniana cresceu mais de 2 acres de terra.

 

Por ser uma árvore dessas proporções, cuidar da planta não é uma tarefa simples. Para isso, treze pessoas são responsáveis pelos cuidados com a árvore, que é considerada a mais larga do mundo.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp.

 

Caso você tenha interesse e curiosidade de ver a Grande Baniana de perto, você pode visitá-la, durante um passeio pelo Jardim Botânico, que não fica muito longe do centro de Kolkata, na Índia.

 

Enfim, e você, o que achou dessa árvore? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos. 

 

Fatos Desconhecidos

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2019. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.