NOTÍCIAS
Plantão Policial
15/09/2020

Criança de apenas 4 anos revela que viu pai matar sua mãe em consultóro

Compartilhar:
Foto: Reprodução

ReproduçãoShirley Rúbia Gertrudes, de 39 anos, foi morta a facadas; suspeito cometeu suicídio

Rafael Rodrigues Manoel, de 35 anos, matou sua ex-esposa, Shirley Rúbia Gertrudes de 39, dentro de um hospital particular em Ceilândia, no Distrito Federal, nesta segunda-feira (14). O crime aconteceu durante uma consulta médica da filha do casal, de apenas 4 anos. Mas um detalhe revelado pela irmã da vítima torna a história ainda mais triste e chocante.

 

Ao G1, a manicure Girlene Cristina afirmou que a filha do casal presenciou o crime e contou aos parentes o que ocorreu dentro do consultório médico. "Ela viu tudo. Ele fazendo, ele correndo. Ela fala: 'Meu pai matou minha mãe'", disse.

 

De acordo com a família de Shirley, Rafael não se conformava com a separação e cometeu suicídio logo após o crime. A relação dos dois, que durou seis anos ainda segundo informações de parentes, era muito conturbada. "Ele ameaçava. Ela sempre me falava por telefone. Dizia que qualquer coisa que acontecesse, tinha sido ele", afirmou Girlene.

 

Veja também

 

Ex-garota de programa, Dafne Anãzinha diz que atendeu 639 pessoas

 

 

Projeto de lei quer retirar obrigação de fazer autoescola para obter CNH


Segundo informações do G1, filha do casal foi atendida pelo departamento psicológico da unidade de saúde. A delegada da Delegacia de Atendimento Especial à Mulher (Deam II), Adriana Romana, afirma ainda que, mesmo com os relatos sobre o relacionamento do casal, não foi encontrada ocorrência ou medida protetiva envolvendo Shirley Rúbia Gertrudes. A investigadora afirma que o caso é tratado como feminicídio.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram. 

Entre no nosso Grupo de WhatApp.

 

IG

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.