NOTÍCIAS
Segredos de Bastidores
01/06/2020

Dinheiro desviado durante o governo corrupto de José Melo foi enterrado na área de mata do sítio do ex-governador no Rio Preto da Eva, garante policial

Compartilhar:
Foto: Divulgação

José Melo em foto tirada em dezembro de 2017 em um presídio de Manaus

Em breve uma nova bomba deve sacudir o meio político empresarial e jurídico da cidade de Manaus.

 

As investigações estão bem avançadas no sentido de localizar uma verdadeira fortuna roubada dos cofres públicos durante o governo de José Melo, cassado pela compra de votos e preso por corrupção pela "Operação Maus Caminhos" da Polícia Federal no Amazonas.

 

Ainda este ano o ex-governador e sua quadrilha deverão ser condenados pela juíza Ana Paula, da 4ª Vara Criminal da Justiça Federal.

 

As penas somadas deverão ultrapassar 60 anos de cadeia entre os o integrantes do núcleo administrativo da corrupção.

 

Evandro Melo, Raul Zaidan e outros acusados integram a lista dos notáveis a serem condenados e presos.

 

José Melo tenta de todas as formas se livrar do uso das tornozeleiras eletrônicas para voltar a circular livremente pelo seu sítio e desenterrar os milhões de reais escondidos debaixo da terra no município do Rio Preto da Eva.

 

Para um experiente policial ouvido pelo "PORTAL DO ZACARIAS", os maços de dinheiro estão empacotados em sacos plásticos resistentes à vácuo para não permitir que as traças destruam as cédulas roubadas do cofre do governo na triste gestão de José Melo.

 

A Justiça Federal deverá determinar em breve a busca no sítio do ex-governador.

 

O radar para detectar o local exato onde se encontram os fardos de dinheiro já está em Manaus e pronto para ser utilizado após a determinação da Justiça Federal.

 

Diante desse novo escândalo, os 51 milhões encontrados na casa do Gedel na Bahia serão troco de carrinho de pipoca. Podem anotar. (AZ) 

COMENTÁRIOS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.