NOTÍCIAS
Plantão Policial
03/06/2020

FAMÍLIA INDIGNADA! Justiça manda soltar enfermeiro bêbado que atropelou e matou homem em sua motocicleta na Cidade Nova. VEJA VÍDEOS

Compartilhar:
Foto: Divulgação

Washington Vaz voltava bêbado de uma festa quando atropelou Raphael em sua motocicleta

A dor e a indignação de uma família inteira aumentou ainda mais no último dia 30 de maio, quando a Justiça do Amazonas colocou em liberdade o enfermeiro Washington Vaz Guimarães, 24, que atropelou e matou o funcionário do Grupo Chibatão, Raphael Rodrigo Távora, de 35 anos.

 

O risco de contaminação pelo coronavírus, de acordo com alegação do advogado do enfermeiro, permitiu que ele fosse solto no último final de semana.

 

O acidente aconteceu no dia 23 de maio na Rua Coronel Taborda de Miranda (antiga Rua 27), no núcleo IV do bairro da Cidade Nova, Zona Norte de Manaus, quando Wasington Vaz dirigia seu carro Celta, placa NOJ-4499, e atropelou Raphael Rodrigo que em sua motocicleta Yamaha, modelo Factor, placa NOM-3458.

 

Veja também

 

Ladrão de motocicletas tem as mãos amarradas para trás e apanha de populares no bairro Dom Pedro I, Zona Centro-Oeste de Manaus

 

DERFV prende assaltantes que roubaram dois carros e mais de 20 mil dólares de empresário no bairro Nossa Senhora das Graças

Após o atropelamento, o enfermeiro foi preso por policiais militares da 6ª Cicom e foi constatado no teste do bafômetro realizado pelo Detran-AM que ele estava embriagado.

 

No dia do acidente Washington Vaz mal se aguentava em pé

 

O funcionário do Grupo Chibatão Raphael Rodrigo saiu de sua casa por volta das 6h da manhã do dia 23 e estava indo para o porto Chibatão quando foi brutalmente atropelado pelo enfermeiro.

 

Outro agravante que aumentou ainda mais a culpa de Washington, foi quando ele confirmou para os policiais após receber voz de prisão ainda no local do acidente, que estava voltando de uma festa, considerada irregular, porque descumpria o decreto de isolamento do Governo Estadual.

 

Motocicleta que era pilotada por Raphael

Rodrigo ficou completamente destruída


Raphael Rodrigo foi levado com vida para o Hospital e Pronto-Socorro Dr. João Lúcio Pereira, mas não resistiu às várias fraturas e ao traumatismo craniano.


Onze dias se passaram do acidente e agora, para os familiares da vítima, saber que está em liberdade o enfermeiro que provocou o acidente quando dirigia bêbado aumenta ainda mais a dor da perda irreparável e a indignação pela injustiça que só favorece o homem que tirou a vida de Raphael Rodrigo.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp.

 

 Boletim de Ocorrência informa que teste de alcoolemia

que enfermeiro fez no Detran-AM deu positivo (Fotos: Divulgação) 

 

VEJA VÍDEOS:  

COMENTÁRIOS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.