21 de Julho de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Plantão Policial
09/06/2024

Justiça decide manter Bruno e Hatus Silveira presos após audiência de custódia

Foto: Divulgação

Caso Djidja

Neste sábado (8), a Justiça do Amazonas decidiu manter as prisões de Bruno Roberto da Silva Lima, ex-noivo de Djidja Cardoso, e Hatus Silveira, ex-personal trainer da família Cardoso, após audiências de custódia. Os dois foram detidos na sexta-feira (7) durante a 2ª fase da Operação Mandrágora, que investiga uma suposta “seita” em Manaus, acusada de promover rituais com o uso recreativo de ketamina e outras substâncias.

 

A Operação Mandrágora visa desmantelar uma organização que estaria utilizando ketamina, um anestésico de uso cirúrgico e veterinário, devido aos seus efeitos alucinógenos. Durante a operação, Hatus Silveira foi flagrado fazendo uso de Potenay, uma substância conhecida por seus efeitos estimulantes, o que levou à sua prisão preventiva.

 

Os advogados de defesa de ambos os detidos afirmaram que irão recorrer das decisões judiciais. Luke Pacheco, advogado de Bruno Roberto, expressou surpresa com a prisão temporária de seu cliente, que, segundo ele, foi baseada em conversas de WhatsApp.

 

Veja também

 

Dono da clínica Maxvet, José Máximo se entrega à polícia neste sábado após ter sua prisão preventiva decretada pela Justiça do Amazonas

 

Durante coletiva de imprensa delegados atualizam informações sobre a investigação da morte da ex-sinhazinha Djidja Cardoso

 

“A prisão de Bruno foi decretada com base em trocas de mensagens, algo que consideramos insuficiente para justificar a detenção. Vamos buscar a liberdade do nosso cliente através de novos pedidos”, declarou Pacheco.

 

A investigação sugere que a família de Djidja Cardoso, incluindo sua mãe Clausimar e seu irmão Ademar, comandava um grupo denominado “Pai, Mãe, Vida”. Ademar, apontado como líder da organização, acreditava ser Jesus, enquanto Clausimar se via como Maria, e Djidja interpretava Madalena. A família é acusada de fornecer e distribuir ketamina e de incentivar o seu uso recreativo.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram   

 

As audiências de custódia confirmaram as prisões de Bruno Roberto e Hatus Silveira, mantendo-os detidos enquanto as investigações continuam. A Operação Mandrágora segue avançando, com a Polícia Civil do Amazonas focada em coletar mais evidências e desmantelar a suposta seita.

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.