26 de Junho de 2022 - Ano 8
NOTÍCIAS
Mulher
24/05/2022

Maria Bruaca, de Pantanal, levanta debate sobre empoderamento

Foto: Reprodução

Maria Bruaca acordou! E quem assiste à novela Pantanal, da Rede Globo, sabe muito bem disso, né? Interpretada por Isabel Teixeira, a personagem é uma mulher casada que lida com as dores diárias do desrespeito na vida a dois. O marido, Tenório, personagem de Murilo Benício, a trata como bem entende: ridicularizando, oprimindo e desvalorizando.

 

Mas essa história vem mudando, viu? Conforme apontado pelo Fantástico no último domingo (22), o nome 'Maria Bruaca' já foi citado mais de 60 mil vezes no Twitter desde 1° de maio. O motivo? Os brasileiros não casam de torcer para que Maria acorde de uma vez por todas, vire a chave de sua vida e seja feliz!

 

Afinal, depois de descobrir a traição do marido na trama, parece que a personagem acordou mesmo! E essa mudança tirou um peso das costas dela, que agora passou a olhar para a vida — e para si mesma — com mais verdade, doçura e esperança. Foi aí que surgiu o desejo da web: que todas as Marias do país acordem.

 

Veja também

 

Conheça a história do feminismo no Brasil

 

Os símbolos do feminismo e seus significados

 

Representatividade em horário nobre:

 

E qual é a importância de mostrar essa nova narrativa da personagem na novela? É justamente causar representatividade. Isso porque existem muitas mulheres na mesma posição de Maria e, assim como ela, elas precisam despertar de situações que não lhes cabem mais e começar a, de fato, viver.

 

"É muito importante se ver representada, trazendo mais consciência e possibilidade de reflexão para as mulheres de 50 anos (ou mais) e para quem está chegando nessa idade. Com isso, se vendo refletida nas novelas, pode ganhar mais confiança e coragem para quebrar tabus e viverem suas vidas conforme seus desejos e vontades", destaca a psicóloga Carolina Mirabeli, que atua como consulta de desenvolvimento e carreira.

 

Pantanal': atriz explica como será transformação de Maria Bruaca | TV &  Novelas | iG

 

Entretanto, apesar da trajetória de Maria Bruaca ser encorajadora para muitas, vale lembrar que, em alguns pontos, ficção e realidade se distanciam — e muito! Como dito pela própria atriz em entrevista ao Fantástico, esse despertar pode ser bem mais difícil na vida real. Afinal, ainda que a mulher queira e saiba ser necessário, nem sempre é fácil se livrar de amarras e situações difíceis, como a vivida pela personagem.

 

Ainda assim, a história deve servir como um apoio para quem quer mudar de vida, sobretudo relembrando que nós devemos ser a única protagonista de nossa história. E essa trama precisa de momentos felizes, viu? Por isso, ir em busca de empoderamento e libertação feminina nunca será errado. Cerque-se de uma rede de apoio, de outras mulheres e até de profissionais, como psicólogos, para caminhar em busca dessa nova direção.

 

Isabel Teixeira vive Maria Bruaca em Pantanal: 'Nunca falei para tanta  gente' - Revista Marie Claire | Cultura

 

Pequenas atitudes, grandes hábitos:

 

Embora muitas vezes o desejo de mudar de vida seja grande, isso é um processo feito de pequenas mudanças, cultivadas no dia a dia. E perceber que você quer e merece mais, já é um baita passo! Porém, algumas atitudes práticas podem ser ainda mais úteis, viu? "O primeiro ponto importante é a consciência de que você chegou em uma etapa da vida importante, com muito experiência de vida, que pode ser ensinado para os mais jovens", reforça Carolina.

 

Pantanal': Maria Bruaca implora por sexo, mas Tenório se recusa

Fotos: Reprodução

 

Além disso, a psicóloga cita algumas dicas para mudar essa mentalidade engessada sobre as mulheres mais velhas e passar a viver essa fase plenamente. Olha só:

 

-Mande embora o pensamento de "agora só vou cuidar da casa"! Mulheres não devem ser restringidas às tarefas domésticas em nenhuma idade. Que tal viver experiências com viagens em grupos ou até mesmo praticar esportes?

 

-Quebre os tabus de beleza sem dó. Nada de se esconder atrás de "roupas próprias para essa idade", viu? Qualquer faixa etária pode (e deve!) cuidar do corpo, da beleza e se valorizar, usando aquilo que cause segurança.

 

-Faça coisas que te deem prazer também ao longo da semana. Você pode ser mãe, avó, esposa, mas antes disso tudo é mulher e um ser humano que precisa de atividades prazerosas além das obrigações. Comece experimentando yoga, idas ao teatro ou cinema e, aos poucos, descobrirá seu lugar no mundo nessa nova fase.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram

 

Por fim, vale lembrar que a dependência financeira é um dos principais motivadores para mulheres continuarem em situações, lugares e relações difíceis. Apesar de muito difícil, não deixe de buscar ajuda psicológica gratuita em postos e unidades de saúde, bem como atividades também gratuitas que podem conferir mais qualidade e prazer à vida!  

 

Fonte: Alto Astral

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2022. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.