11 de Agosto de 2022 - Ano 8
NOTÍCIAS
Mulher
21/06/2022

Menopausa: quando é necessário usar hormônios para conter os sintomas?

Foto: Reprodução

A palavra menopausa vem do grego men, que quer dizer mês ou luas — marcadores temporais, ciclos —, e pausis, que significa pausa, término. A Sociedade Norte-Americana de Menopausa estima que o mundo terá 1 bilhão de pessoas entre a perimenopausa (pré-menopausa) e a pós-menopausa até 2025. Como disse a jornalista Mariza Tavares, no lançamento Menopausa: o momento de fazer as escolhas certas para o resto da sua vida, "ninguém deve se sentir só nessa".

 

Se a adolescência funciona como uma explosão hormonal, o fim do período reprodutivo é marcado pela queda de estrogênio (ou estrógeno) e progesterona, que são hormônios ovarianos, entre os 45 e os 55 anos. A irregularidade da menstruação é o principal sintoma. Considera-se que a mulher está oficialmente na menopausa quando passa 12 meses sem menstruar. Esse é um processo fisiológico e natural, não um defeito ou uma doença.

 

No entanto, essa parada costuma vir com ondas de calor (os fogachos), suor noturno, dificuldades para dormir e insônia — adaptação que pode ser bastante incômoda. Por isso, a médica endocrinologista Dolores Pardini, membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), recomenda que, feita uma avaliação médica, a mulher comece o tratamento tão logo perceba os sinais.

 

Veja também

 

Ganho de peso na menopausa é comum? Saiba como evitar

 

6 alimentos que você deve evitar durante a menopausa

 

E quando o assunto é conter o incômodo, a terapia hormonal é considerada padrão ouro, além de ser indicada em casos específicos — dependendo das complicações dessa fase, em caso de menopausa precoce ou quando ela acontece de modo cirúrgico. A reposição é feita com a administração de hormônios derivados do estrogênio, que podem estar associados ou não à progesterona, ou derivados da testosterona, em dose compatível ao organismo feminino. Podem ser tomados via oral, que é o mais comum, aplicados via transdérmica (na pele) ou vaginal.

 

QUANDO COMEÇAR

 

O período que a reposição é recomendada chama-se janela de oportunidade. Em geral, vai até 10 anos depois do início da menopausa. "É quando os ganhos superam os riscos", pontua a médica. Se a menstruação fica irregular antes de a mulher chegar aos 40, o que costuma vir com alguns problemas de saúde, é indício de falência ovariana prematura, conhecida como menopausa precoce. Como mencionado acima, os hormônios são recomendados principalmente para pessoas nessa condição.

 

E a hora de suspender? Segundo a endócrino, as indicações sobre o tempo da terapia são controversas. "Acompanho mulheres na faixa dos 80 anos que seguem fazendo reposição, claro, supervisionadas. E continuam sentindo-se bem", acredita. Quando se suspende o uso de hormônios, os sintomas voltam. "O que vejo é que a paciente que sente incômodos, uma vez que inicia a reposição, não abre mão. Os motivos mais comuns para desistir costumam ser mesmo o preço do hormônio ou porque o médico não deu todas as instruções", completa.

 

A servidora pública Milene Guimarães, de 49 anos, iniciou a reposição quando ainda estava no climatério, a chamada pré-menopausa. Nessa transição, sentia alterações de humor, calorões, a menstruação irregular e algumas sensações físicas, com perda do tônus muscular e queda de cabelo. Para confirmar a decisão pelos hormônios, fez exames de sangue e de imagem solicitados pela ginecologista.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram

 

Milene faz uso percutâneo de um sachê de estradiol e toma comprimido de progesterona via oral. "Com nove meses de terapia hormonal, eu me sinto mais disposta que antes da entrada no climatério, quando dormia e não descansava, estava inchada e lenta", conta.

 

Fonte: Correio Braziliense

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2022. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.