16 de Julho de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Economia
20/11/2023

Mercado reduz projeções para inflação e dólar, mas prevê PIB menor

Foto: Reprodução

De acordo com o Relatório Focus, do Banco Central, o IPCA fechará 2023 em 4,55%. O crescimento da economia neste ano deve ficar em 2,85%

Os cerca de 150 analistas do mercado financeiro consultados pelo Banco Central (BC) reduziram, mais uma vez, a estimativa de inflação para 2023 e 2024. A projeção para o Produto Interno Bruto (PIB) também foi reduzida para este ano. Além disso, a expectativa em relação ao dólar caiu para 2024, 2025 e 2026. É isso o que mostra o Relatório Focus, divulgado nesta segunda-feira (20/11).


De acordo com a consulta do BC, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial do país, deve terminar este ano em 4,55%. Na semana passada, a projeção era de 4,59% e, na anterior, de 4,63%.


Desde 16/10, a estimativa para o IPCA deste ano permanece dentro da meta de inflação, fixada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). Para 2023, ela foi definida em 3,25%. Como há um intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo, o objetivo será alcançado se a inflação ficar entre 1,75% e 4,75%.

 

Veja também 

 

Mercado reduz previsão da inflação de 4,59% para 4,55% este ano

 

Volkswagen vai produzir carro elétrico no México; Brasil se torna dúvida

Em relação ao ano que vem, os economistas consultados pelo BC reduziram a projeção do IPCA de 3,92%, na semana passada, para 3,91%, nesta semana. Para 2025, ela se manteve em 3,5%.

 

PIB


Segundo o Focus, o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil deve crescer 2,85% em 2023. O número representa uma queda em relação há duas semanas, quando estava em 2,89%. Há quatro semanas, era de 2,90%. Para 2024 e 2025, a previsão de crescimento da economia ficou estável em, respectivamente, 1,5% e 1,93%.

 

DÓLAR

 

Outra novidade do Focus desta semana foi o recuo da estimativa para a cotação do dólar nos próximos três anos. Para 2023, ela permaneceu em R$ 5. Para 2024, contudo, caiu de R$ 5,08 para R$ 5,05. Para 2025, oscilou de R$ 5,11 para R$ 5,10. Ela também diminuiu de R$ 5,20 para R$ 5,18, em 2026.

 

Em relação à taxa básica de juros da economia, a Selic, o mercado financeiro manteve a estimativa para o fim de 2023 em 11,75% ao ano. Para 2024, a projeção seguiu em 9,25% ao ano. Para 2025, permaneceu em 8,75%.


Na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), a Selic foi reduzida em 0,5 ponto percentual, para 12,25% ao ano. Foi o terceiro corte da taxa básica de juros desde agosto. A próxima reunião do colegiado, a última do ano, está marcada para os dias 12 e 13 de dezembro.

 

A taxa básica de juros é o principal instrumento do BC para controlar a inflação. A Selic é utilizada nas negociações de títulos públicos emitidos pelo Tesouro Nacional no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve de referência para as demais taxas da economia.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram 


O Relatório Focus resume as expectativas de mercado coletadas até a sexta-feira anterior à sua divulgação. O boletim é divulgado sempre às segundas-feiras. 

 

Fonte: Metrópoles

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.