21 de Abril de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Qualidade de Vida
01/04/2024

O consumo de proteínas muito além da quantidade

Foto: Reprodução

Você deve saber que o consumo e a quantidade de proteínas são importantes, mas será que a qualidade também importa? Vamos descobrir!

A qualidade da proteína considera fatores que influenciam a magnitude da digestão, absorção e a velocidade com que podemos produzir novas proteínas (taxa de síntese proteica), sejam elas musculares ou qualquer outra proteína presente em nosso corpo.Após a ingestão, as proteínas devem ser digeridas em aminoácidos, que são absorvidos e posteriormente entregues aos tecidos para síntese proteica.

 

Existem 9 aminoácidos essenciais (EAAs) que devem ser obtidos na dieta em quantidades suficientes para estimular a síntese proteica. Eles são essenciais porque o corpo não consegue produzi-los e um dos mais importantes é a leucina, pois atua tanto como um alicerce para a formação de novas proteínas do músculo esquelético, mas também como um sinal para que a síntese proteica seja estimulada.

 

Desta forma, proteínas de alta qualidade são aquelas que fornecem todos os 9 EAAs em quantidades suficientes, apresentam bom teor de leucina e são facilmente digeridas e absorvidas pela circulação. Conforme mencionado num blog anterior, geralmente pensa-se que as proteínas de origem animal são superiores às fontes de origem vegetal em termos de qualidade proteica. No entanto, existem proteínas vegetais de excelentes qualidades e hoje existem diversos suplementos proteicos feitos com proteínas vegetais isoladas.

 

Veja também 

 

Autismo: atendimento multidisciplinar oferece respostas efetivas para pacientes no Amazonas

 

Gorduras do bem: o que são e qual sua importância para a saúde

 

A quantidade de proteína consumida ao longo do dia importa e o fracionamento pode ser interessante também. Assim, o consumo de 3 a 4 refeições ricas em proteínas contribui para a adequação proteica diária. Mas vale observar, que para indivíduos que necessitam permanecer longos períodos em jejum, é válido consumir 2 refeições proteicas com maior teor de proteína consumida.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

Existem também outros aspectos que contribuem para a absorção de proteínas, por exemplo, a matriz alimentar (que são os constituintes que compõem um alimento, incluindo água, fibra, oxalatos, fitatos) pode melhorar ou prejudicar a absorção de proteínas. Portanto, a qualidade proteica dos alimentos integrais é discutível, por conta da maior quantidade de fibras presentes. Esses alimentos são ótimos e isso não significa que devemos parar de consumi-los, mas tem uma taxa de aproveitamento proteico mais modesta.A qualidade considera o conteúdo de EAA, o conteúdo de leucina e a digestão/absorção de uma fonte de proteína. Esses fatores influenciam a resposta imediata à síntese proteica em nosso corpo. 

 

Fonte: Revista Veja

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.