NOTÍCIAS
Plantão Policial
25/11/2020

Policiais militares usam de truculência para acabar com festa de aniversário em lanchonete e aterrorizam adultos e crianças presentes na praça de alimentação do bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus. VEJA VÍDEO

Compartilhar:
Foto: Divulgação

O clima que era de alegria foi transformado em ambiente de muita truculência policial

O fechamento de uma lanchonete durante a noite da última terça-feira, 24, por volta das 22h30, na praça de alimentação do bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus, provocou revolta em diversas pessoas pela forma bastante agressiva e arbitrária dos policiais militares participantes da ocorrência.


De acordo com a denúncia recebida pelo PORTAL DO ZACARIAS as principais vítimas da truculência policial foram o proprietário do estabelecimento Isomar Ferreira Vasconcelos e sua esposa, que não teve o nome divulgado, os quais ainda foram presos e levados para a delegacia.


O que mais indignava as pessoas que assistiam o festival de abuso de autoridade, acima de tudo, é que o dono da lanchonete só estava comemorando seu aniversário, com sua mulher, filhos, parentes e alguns amigos, sem nenhum transtorno ou perigo para a comunidade.

 

Veja também

 

'Jorge Texas' continua infernal e desta vez até cachorro vira-lata apanhou mas também mordeu muita canela. VEJA VÍDEO

 

IMAGEM FORTE! Cabeleireiro é encontrado morto com facadas no pescoço em sua casa no bairro de São Jorge, Zona Oeste de Manaus

Mulheres também foram alvos dos abusos dos policiais e

crianças assustadas assistiram tudo


A esposa de Isomar teve a boca ferida ao ser atingida pela mão de um dos policiais militares durante seus gestos agressivos, praticados em um local onde só estavam presentes as pessoas de bem e de família, inclusive crianças, acompanhadas dos respectivos pais.


Um dos atos mais absurdos e deploráveis, segundo os denunciantes, aconteceu quando um dos policiais sacou a arma e apontou para o rosto de Isomar Ferreira, que todos respeitam no bairro, mas que foi tratado como se fosse um bandido da pior espécie.


As pessoas que denunciam o fato ocorrido foram unânimes em afirmar que o Comando da Polícia Militar, melhor dizendo, a corporação como um todo, não compactua com esse tipo de atitude presenciada por diversas pessoas que denunciam e pedem punição para a guarnição inteira.

 

A praça de alimentação onde se festeja um simples aniversário

virou rapidamente uma praça de guerra provocada

pelos policiais militares (Fotos: Divulgação)


Para um dos denunciantes é realmente papel da Polícia Militar fazer cumprir o decreto governamental que estabelece medidas de prevenção contra a covid-19, evitando aglomerações em locais, mas da forma que a ação foi realizada, é realmente abominável e absurda.


Após todo o espetáculo de truculência e arbitrariedade presenciado por dezenas de pessoas, os policiais prenderam Isomar Ferreira juntamente com sua mulher e ainda apreenderam a caixa de som que também foi levada para a Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram. 

Entre no nosso Grupo de WhatsApp.

 

O que esperam agora, todas as pessoas que assistiram a brutalidade dos policiais militares, é que o comandante geral da corporação, coronel Ayrton Norte, determine que sejam tomadas as medidas disciplinares para punir a guarnição que cometeu todo esse desvio de conduta na praça de alimentação do bairro Nova Cidade. 

VEJA VÍDEO:  

COMENTÁRIOS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2021. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.