NOTÍCIAS
Geral
11/05/2020

Por Lúcio Carril - O churrasco antropofágico de Bolsonaro

Compartilhar:
Foto: Reprodução

*Por Lúcio Carril - 1- Carne de gente dos bairros, morros e favelas, servida com legumes e verduras de resto de feira.
Esta carne foi maturada no coronavírus, passada por um processo de sofrimento nas filas do SUS sucateado ou simplesmente largada no quarto de casa para entrar em estado de putrefação.

 

2- Carne de gente negra, processada em séculos de escravidão, exclusão social e racismo velado. Esta carne saiu maturada dos lugares mais pobres do Brasil, onde a exclusão e o abandono corroem suas fibras e textura.

 

3- Carne velha, servida sem aposentadoria e sem reconhecimento humano. É também encontrada nas ruas de todo país, jogada à própria sorte e ao vilipêndio humano.

 

4- Carne de trabalhador, servida com suor, ao sangue, sem direito algum. Esta carne já vem corroída pela exploração selvagem do capitalismo.

 

5- Carne primitiva de índios da Amazônia e todo Brasil, mortos pelo incentivo do presidente do país. Esta carne vem maturada pelo etnocídio e pelo genocídio históricos.

 

6- Coração de artistas, escritores, atores. É uma carne envelhecida na indignação e na angústia de ver o Brasil mergulhado na opressão e na cegueira coletiva.

 

*Lúcio Carril é sociólogo, ex-secretário executivo da Secretaria de Política Fundiária do Estado do Amazonas, ex-delegado federal do Ministério do Desenvolvimento Agrário e especialista em gestão e políticas públicas pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo.

 

NOTA DA REDAÇÃO: Bolsonaro desistiu de fazer o churrasco após a repercussão negativa no País.

 

COMENTÁRIOS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.