NOTÍCIAS
Qualidade de Vida
30/04/2021

Quais são as causas da azia? VEJA DICAS PARA EVITAR

Compartilhar:
Foto: Reprodução

Esses episódios geralmente ocorrem após as refeições

A azia é uma sensação de queimação no peito ou no estômago causada pelo ácido gástrico que sobe até o esôfago como refluxo. A seguir, contamos a você o que a ocasiona e quais medidas você pode tomar para aliviá-la.

 

A dor ou queimação na boca do estômago, também chamada de azia, é um sintoma comum na população adulta. O refluxo gastroesofágico é, às vezes, referido como sinônimo, embora não sejam totalmente iguais. Neste artigo, contamos o que é e quais são as causas da azia.

 

Tanto a sensação de queimação na região do estômago quanto a própria manifestação, mas que se eleva por trás do esterno (o osso do tórax que fica na frente do coração), podem ser triviais. Mesmo assim, algumas mudanças no estilo de vida são necessárias para corrigir esse desconforto.

 

Veja também

 

 

'Faça tudo para o sangue circular': como manter a saúde das pernas em casa

 

Conheça 6 etapas para perder peso de forma saudável e duradoura. VEJA

 

O que é a azia?


O estômago é um órgão que faz parte do sistema digestivo superior. Ele está localizado no abdômen, na parte central e superior dele. Acima está o esôfago, e abaixo o intestino delgado.

 

O papel do estômago é ajudar a decompor os alimentos. O ácido que produz, denominado gástrico, facilita a digestão de proteínas e a absorção de ferro, cálcio e vitamina B12. Além disso, o ácido gástrico mata grande parte dos microrganismos ingeridos e limita o crescimento bacteriano, com a consequente prevenção de infecções intestinais.

 

Se o ácido do estômago não segue para o intestino, mas retorna ao esôfago, estamos diante do refluxo gastroesofágico. Devemos esclarecer que um certo grau desse refluxo é fisiológico. Esses episódios geralmente ocorrem após as refeições, são de curta duração, não causam sintomas e raramente ocorrem durante o sono.

 

Em compensação, quando o refluxo causa sintomas incômodos ou complicações, fala-se de refluxo gastroesofágico não fisiológico. Isso pode aparecer como uma das causas de azia, que é uma sensação de ardência ou queimação na região do estômago ou atrás do esterno.

 

Quais são as causas da azia?

 

Azia e a queimação no estômago: quando é motivo para endoscopia

 

Quando comemos, o alimento passa da boca para o esôfago e daí para o estômago. Entre eles, existe um anel muscular denominado esfíncter esofágico inferior, que evita que o conteúdo do estômago retorne à boca.

Quando, por algum motivo, além do que chamamos de refluxo fisiológico, o conteúdo ácido do estômago sobe, é possível sentir azia. As razões exatas para as causas da azia ainda estão em estudo.

 

Foram propostas diversas teorias como causas da azia, como alterações na motilidade (movimentos do trato digestivo), alterações na produção de ácido, dieta, estresse, fatores psicológicos e hereditários.

 

Devemos esclarecer que não estamos falando de diagnósticos definidos, como por exemplo úlceras ou refluxo gastroesofágico patológico, intestino irritável e cálculos biliares, embora em todas essas situações também seja possível sentir azia.

 

Fatores de risco e causas da azia

 

O ESTÔMAGO E SEUS TROPEÇOS - BioLogicus

 

Como já mencionamos, as causas da azia ainda estão em estudo, embora se reconheçam fatores de risco para o seu desenvolvimento. Devemos evitar todos esses fatores para reduzir o aparecimento do sintoma.


A dieta é um desses fatores determinantes. Influencia a presença da acidez estomacal em algumas pessoas, principalmente associada ao consumo de certos produtos, como alimentos picantes ou condimentos, frutas cítricas, derivados do tomate (ketchup), alimentos fritos ou com alto teor de gordura, hortelã, chocolate, refrigerantes e álcool.

 

O excesso de peso também pode aumentar o risco de azia. Durante a gravidez, é comum notá-la por um motivo semelhante, já que o útero dilatado empurra o estômago para cima e favorece o refluxo devido às alterações anatômicas.

 

Quando ir ao médico?


Se houver suspeita de causas específicas para a azia, sugere-se consultar um especialista para descartar outros fatores importantes. Neste caso, o profissional da saúde solicitará exames adicionais.

 

Um sinal de alerta seria o novo aparecimento de azia em pacientes com mais de 60 anos de idade que não a apresentavam antes. Se isso for acompanhado pela presença de sangramento gastrointestinal (sangramento nas fezes ou no vômito), a consulta é fundamental.

 

A falta de apetite é outro sinal de alerta, bem como a perda de peso inexplicável ou dificuldade para deglutição. Às vezes, há dor no peito que não está relacionada a eventos cardíacos e provém do sistema digestivo.

 

Uma situação particular é o antecedente de câncer gastrointestinal em um parente de primeiro grau. Ou seja, se os pais, tios ou avós já tiveram esta patologia oncológica, é aconselhável aumentar a atenção e agilizar a consulta caso apareçam sintomas sugestivos de causas da azia.


O que se pode fazer para evitar as causas da azia?

 

Preparação para a ceia: aprenda 7 dicas para evitar a azia

 

Nos casos em que os episódios de azia ou na região do esterno são muito leves e esporádicos, há recomendações que convém seguir e que podem melhorar os sintomas:

 

Elevar a cabeceira da cama: isso pode ser feito colocando blocos de madeira ou borracha sob os pés da cama ou uma cunha de espuma sob o colchão. Não use muitos travesseiros, pois eles podem causar dores no pescoço.


Evitar certos alimentos que piorem os sintomas: estes incluem café, chocolate, álcool, hortelã, especiarias, temperos quentes, alimentos gordurosos e fritos.


Parar de fumar: o tabaco é uma das causas da azia.


Antecipar o horário do jantar: deitar com o estômago cheio pode piorar o refluxo. Devemos tentar planejar as refeições para pelo menos 2 a 3 horas antes de ir para a cama.


É essencial não usar antiácidos de venda livre. Sempre será preferível consultar o médico a respeito. Caso os sintomas se tornem mais intensos, apareçam à noite ou persistam por muito tempo, consulte um profissional de saúde.

 

Você sente queimação ou acidez? Conheça a diferença!

 

Doença do Refluxo Sintomas, Diagnóstico e Tratamento – Dra. Caroline Saad

Fotos: Reproduções

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatsApp.

 

Muitas pessoas sofrem com queimação ou acidez depois de ter comido de forma desequilibrada, porém, há quem padece estas afecções quase diariamente.

 

Fonte: Melhor com Saúde

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2021. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.