NOTÍCIAS
Bizarro
20/05/2020

Quarentena: homem pede para ficar na cadeia por não aguentar ficar em casa com a mulher

Compartilhar:
Foto: Reprodução

A Argentina também vem adotando rigorosas medidas de isolamento social para tentar barrar o avanço do novo coronavírus por lá. As autoridades argentinas estão pedindo à população que fique dentro de casa, saindo apenas quando for realmente necessário.

 

Um detento que estava cumprindo prisão domiciliar resolveu pedir o retorno para o regime fechado, alegando que não aguentava mais ficar brigando com a mulher.
 

O fato se deu na cidade de Paraná e de acordo com a defesa do sujeito, ele e a esposa não paravam de brigar, por isso seria melhor que o homem voltasse para a cadeia.

 

Veja também

 

Nova solução para o coronavírus é cama que pode virar caixão, caso o paciente morra

 

'Pastor' vende máscara invisível a R$ 300 reais contra o coronavírus. VEJA VÍDEO

Esse preso é suspeito de ter ligação com traficantes e ele disse ao seu advogado que não aguentava mais ficar dentro de casa com a esposa, pois estão confinados dentro de casa desde o início da quarentena e as brigas não param.


O advogado Augusto Lafferriere deu uma entrevista ao canal 9 Litoral e contou que esse tipo de problema acontece muito entre os detentos que retornam para casa e precisam ‘reconstruir vínculos familiares’.

 

O sujeito quer conseguir na Justiça o direito de ficar preso e sair só para ‘tomar um ar’, mas sem ter que voltar para casa, pois quer ficar atrás das grades.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram

Entre no nosso Grupo de WhatsApp. 

 

Mas o advogado contou que não tem como fazer esse pedido porque a prisão em regime fechado acontece em última instância, mas talvez seja possível liberar seu cliente para sair de casa e ficar a uma distância de 100 metros quando a discussão com a esposa começar, assim ele pode esfriar a cabeça.

 

1News

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2020. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.