NOTÍCIAS
Esportes
31/07/2021

Rebeca Andrade disputa prova de salto com chances de levar o ouro

Compartilhar:
Foto: Divulgação

Rebeca Andrade em prova de salto

 A ginasta brasileira Rebeca Andrade tenta, neste domingo (1) conquistar a primeira medalha de ouro do Brasil na ginástica feminina, na disputa da prova de salto, às 5h45 (de Brasília). Na segunda-feira (2), no mesmo horário, ela tem chance de mais uma medalha, na final do solo.

 

Após ganhar a prata na individual geral, ainda assim apresentando pequenas falhas, a expectativa é de que a ginasta brasileira entre ainda mais preparada para a disputa no salto.

 

Para a coordenadora técnica da CBG (Confederação Brasileira de Ginástica), Adriana Rita Alves, a Adri, que está no Brasil, mas participou de toda a preparação de Rebeca e mantém contato com a equipe no Japão, há a possibilidade dela utilizar uma acrobacia em que tenda a receber uma nota alta.

 

Veja também

 

Medalhistas são expulsos dos Jogos Olímpicos por saírem da Vila

 

Jamaicana leva o bi nos 100 m rasos e bate recorde olímpico em Tóquio

 

"Na preparação da Rebeca no Brail já tínhamos ideia de que ela poderia ser finalista de individual geral e de saltos. Ela já apresentou dois saltos e ainda tem outra opção de melhor nota do valor de dificuldade do salto dela, que acrescenta mais meia pirueta no segundo salto. O primeiro salto que ela fez se chama Cheng, de alto grau de dificuldade, que é um rodante e faz uma meia volta e entra de frente para a mesa", explicou.

 

Adri ainda prossegue, dizendo que uma acrobacia ainda mais desafiadora pode ser utilizada por Rebeca.

 

"A partir dali ela faz uma reversão mortal estendido com uma pirueta e meia e esse salto tem um valor excelente, que é seis e ela apresentou nos dias de execução e o outro salto é um Iurchenko com dupla pirueta e existe a opção de fazer dupla pirueta e meia, e isso seria auma supernota para finalista no salto, para medalha", completa.

 

A coordenadora ressalta, porém, que todas essas possibilidades estão sendo trabalhadas com cautela, para evitar que Rebeca sinta uma prejudicial obrigação de vencer ou entre com uma confiança exagerada.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.
Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram

 

"Pelo que conheço da equipe, nem se fala em medalha com ela, a ideia é fazer um treino normal e deixar a rotina normal que ela está acostumada a ter. Quando tudo é tratado de uma forma mais tranquila, a coisa flui melhor", diz Adri.

 

Fonte: R7

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2021. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.