21 de Abril de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Arte e Fama
02/04/2024

Wilma Petrillo quer adotar filho de Gal e diz que fez de tudo para cantora não falir

Foto: Reprodução/Internet

OUTRO LADO: Defesa de Gabriel Costa nega alegações da empresária e lamenta exposição de questões pessoais

Wilma Petrillo se espraia numa poltrona, na sala de reuniões de sua advogada. A viúva de Gal Costa veste um moletom todo preto, o que contrasta com o tom rosinha do tênis esportivo que usava. Sempre de óculos escuros, ela parece ser sempre a mesma. A voz arrastada lembra até a de Gal, se não fossem os rompantes de impaciência, cortando as frases.

 

Agora, Petrillo quer conciliação. Seu desejo é adotar formalmente o filho de Gal, Gabriel Costa Penna Burgos, de quem Petrillo também se diz mãe —nos documentos da adoção, só consta o nome da artista baiana.

 

Até o momento, Petrillo e Burgos travam uma batalha judicial pelo espólio da cantora. "Essa gente que está falando mal de mim, porque eu teria manipulado Gal, na verdade, está falando mal da própria Gal", diz Petrillo, ostentando as alianças do casamento. "Ela era uma mulher muito forte, sabia muito bem o que queria e com quem queria andar."

 

Veja também

 

Novo álbum de Beyoncé contou com a bênção de Paul McCartney: entenda

 

O que diz Militão sobre vídeo em que namorada é grossa com Cecília

 

Há dois meses, a reportagem tenta entrevistar Burgos. A assessoria dele informou, em nota, que as afirmações de Petrillo são falsas e difamam a memória de uma das maiores artistas do Brasil. "É lamentável também a exposição de questões pessoais da vida de Gabriel, alheia aos fatos do processo, para sustentar uma narrativa que não condiz com a realidade nem tem relevância para o caso em pauta."

 

No momento, Petrillo acusa Burgos de estar sendo influenciado, supostamente, pela sua nova namorada, que ela identifica como sendo a fonoaudióloga Daniela Marcilio Tonani, quase 30 anos mais velha do que ele e mãe de sua ex-namorada.

 

Gal morreu em novembro de 2022. Sua certidão de óbito relata que a morte foi em decorrência de um infarto agudo do miocárdio —Burgos, no entanto, diz querer ter certeza de que ela sofreu, de fato, uma parada cardíaca, algo de que tem dúvidas.

 

A reportagem obteve o vídeo da audiência, realizada em março do ano passado na Justiça de São Paulo. "Para mim, [Petrillo] era a minha segunda mãe. Tipo, eu tratava ela como eu tratava a minha mãe", disse, se referindo a Gal. Na audiência, ele também relata que elas duas foram, juntas, ao abrigo onde ele morava, quando tinha dois anos, e o escolheram para adoção.

 

"Eu fui mãe de Gabriel, sim, porque cuidei muito dele. Se eu viajava, trazia malas de brinquedos para ele e até levava na casa dos amiguinhos", diz Petrillo. Indagada por que o menino nunca a chamou de mãe —ele a tratava como "Wi" ou "madrinha"—, a ex-empresária disse não ter tido o desejo de confundir a cabeça de Burgos, porque acreditava que ele não entenderia chamar duas mulheres de mãe.

 

Em um ano, Burgos mudou de opinião. Há dois meses, ele entrou na Justiça pedindo a anulação do reconhecimento da união estável. Ele questiona, assim, a fração da herança reivindicada pela viúva.

 

O jovem também pediu a exumação da mãe, para que fosse feita uma autópsia. Burgos ainda exige que o corpo seja transladado até o cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro, onde amigos de Gal diziam que ela queria ser enterrada, ao lado do corpo da mãe, Mariah. Petrillo diz ser falsa essa narrativa.

 

Segundo ela, Burgos namorava, antes da morte de Gal, uma amiga da escola. Numa crise do casal, a mãe dela, que ela diz ser Tonani, se aproximou do menino, afirmando que havia ido ao centro espírita e que os dois eram amantes na encarnação passada. Dessa forma, eles teriam começado a namorar em setembro do ano passado.

 

"Essa tal da Daniela é uma mulher horrorosa, pavorosa, medonha, de dar medo," diz Petrillo. A viúva afirma ainda que Tonani é casada e que seu marido apareceu em sua casa, algumas vezes, xingando Burgos.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram

 

A reportagem tentou entrar em contato por telefone com Tonani desde o início desta semana, mas não obteve respostas.

 

Fonte: Extra

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.