24 de Fevereiro de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Política
29/11/2023

Dino prega autonomia do STF e diz que 'mudou de roupa' após indicação

Foto: Reprodução

Flávio Dino iniciou visitas a senadores em campanha ao STF. Ministro pregou harmonia entre Poderes e independência de ministros do STF

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou, nesta quarta-feira (29/11), que “mudou a roupa” que veste a partir do momento em que foi indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao Supremo Tribunal Federal (STF).


A declaração foi feita após reunião com o vice-presidente do Senado, Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), nesta manhã. A agenda faz parte da série de visitas de cortesia do ministro a gabinetes durante sua campanha ao STF.

 

Questionado por jornalistas sobre agendas com senadores da oposição, Dino afirmou que tem conversado que diversos parlamentares, mas que partidos políticos são indiferentes durante sua campanha ao STF.

 

Veja também 

 

Troca na PGR vai agilizar apurações partir da delação de Cid, avaliam investigadores da PF e ministros do STF

 

Senadores Hamilton Mourão e Damares Alves, ex-membros do governo Bolsonaro, topam conversar com Flávio Dino


“Para um cargo no Judiciário isso não é relevante. Um ministro do Supremo não tem partido, ideologia ou lado político. No momento em que o presidente da República faz a indicação, evidentemente eu mudo a roupa que eu visto. Essa roupa hoje é em busca desse apoio no Senado, que, se eu merecer essa aprovação, é a roupa que eu vestirei sempre. Independe de governo ou oposição”, pontuou o ministro.

 

Dino também pregou “harmonia entre os Poderes” e disse que a Suprema Corte deve ser um “vetor” de harmonia institucional no Brasil. “. Não podemos ter um país em que divergências impeçam o andamento das políticas públicas e das medidas legislativas que o país precisa”, ressaltou.

 

Segundo Dino, um dos principais tópicos da conversa com Veneziano foi segurança pública. “É um tema que hoje demanda a atenção. Disse ao presidente [Rodrigo] Pacheco e ao presidente em exercício, Veneziano, da importância de avançarmos em temas conjuntos. Tenho conversado e dialogado já com vários colegas senadores e senadoras visando a sabatina”, afirmou.

 

Dino chegou à vice-presidência do Senado acompanhado de Weverton Rocha (PDT-MA), seu conterrâneo e relator da indicação ao STF na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.


Segundo o ministro, também houve uma visita à liderança do União Brasil. Na noite dessa terça-feira (28/11), Dino participou de um jantar na casa do líder do governo no Congresso, Randolfe Rodrigues (sem partido-AP), com diversos parlamentares.

 

Na noite de segunda-feira (27/11), o presidente da CCJ do Senado Federal, Davi Alcolumbre (União), marcou para 13 de dezembro, uma quarta-feira, a sabatina de Dino. Depois, o nome deve ser analisado pelo plenário, onde o candidato precisará de ao menos 41 votos favoráveis.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatApp e Telegram


O senador Weverton projetou pelo menos 50 votos favoráveis ao ministro no plenário do Senado. O número foi informado em coletiva de imprensa nessa terça. 

 

Fonte: Metrópoles

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.